Categoria: Informativos

Quais os cuidados necessários para a limpeza do meu elevador?

Práticos e confortáveis, os elevadores representam o que há de mais moderno em transporte e acessibilidade de passageiros e/ou cargas. Existem diversos modelos disponíveis no mercado, sobre os quais já falamos aqui no blog e também em nosso site.

Apesar de servirem a diferentes objetivos, todos eles têm algo em comum: a necessidade de cuidados especiais na limpeza e conservação da estrutura.

Para te ajudar a economizar tempo e dinheiro com produtos de limpeza que podem danificar o seu elevador, separamos algumas dicas importantes que vão te ajudar bastante no dia a dia:

Casa de Máquinas

Se o seu modelo de elevador possui casa de máquinas, é necessário manter esse espaço sempre limpo, bem iluminado e ventilado. Verifique se não há infiltrações e não armazene nenhum material que possa danificar a parte elétrica, facilitando o serviço da equipe de manutenção. Aspirador de pó, espanador ou uma vassoura de pelos macios (a depender do tamanho do local) são os produtos mais indicados.

Entrada dos Elevadores

Tapetes e carpetes são boas alternativas para diminuir a sujeira dos calçados e evitar acúmulo de poeira, terra e outras partículas na entrada dos elevadores. Basta posicioná-los na área externa, próximos à porta, e lembrar de fazer a troca uma vez por semana (ou menos, de acordo com o fluxo de pessoas).

Para o granito da entrada, nada de produtos oleosos ou abrasivos (água sanitária, esponjas de aço, escovas, óleos minerais, etc). Use uma esponja suave ou um pano macio e aplique somente uma mistura de água morna + detergente neutro, para não comprometer a qualidade e o acabamento da pedra.

Fechamento das Portas

O acúmulo de resíduos sólidos no espaço de acesso pode dificultar ou impedir o fechamento das portas, paralisando o elevador. Nesses casos, o aspirador de pó ou um pincel macio e seco são perfeitos para te ajudar na limpeza, removendo essa sujeira escondida entre os trilhos e retomando o funcionamento normal da(s) porta(s).

Componentes Eletroeletrônicos

Antes de limpar os botões de acionamento, indicadores e luminárias, é importante entrar em contato com a empresa fabricante (ou responsável pela instalação) do seu elevador, para receber orientações sobre possíveis acionamentos indevidos. Depois, é só umedecer um pano macio na solução água + sabão neutro e passar nos componentes, finalizando com uma flanela ou outro pano macio e seco.

Cabine do Elevador

Os elevadores são revestidos em aço inoxidável, um material resistente e muito simples de limpar. Para manter o brilho e evitar arranhões na estrutura interna, você pode utilizar produtos de limpeza próprios para inox ou apostar na mistura de água morna + detergente neutro, aplicada com pano macio ou com a parte mais suave da esponja.

Mais uma vez, fica o nosso alerta: removedores de tinta, buchas, lixas, esponjas ásperas e palha de aço danificam o seu elevador. Prefira as esponjas e panos macios e não esqueça de finalizar a secagem com uma flanela, para não deixar manchas nas paredes e portas.

Acessórios e Acabamento Interno

Assim como o aço inoxidável, existem produtos de limpeza específicos para os vidros e espelhos. Fique à vontade para experimentar diversas marcas e escolher a que mais te agrada! A regra dos panos macios e secos para aplicação e secagem também se mantém aqui: nunca aplique o produto diretamente nos vidros/espelhos e lembre-se de secar as bordas para evitar manchas e acúmulo dos sprays de limpeza.

 

É muito importante que todos conheçam e respeitem as regras de uso, evitando a presença de lixo e, principalmente, líquidos no elevador, que podem causar danos elétricos e eletrônicos e pôr os passageiros em risco. Afinal, de nada adiantam as limpezas e manutenções periódicas se não há responsabilidade dos usuários.

Ainda que pareçam simples, não tente resolver qualquer problema de mau funcionamento por conta própria, estamos aqui para te auxiliar em todas as etapas da instalação, funcionamento e manutenção do seu elevador residencial ou comercial.

Agora que você já sabe como limpar cada parte do seu elevador, ficou ainda mais fácil conservar a beleza e a funcionalidade desse item tão importante na rotina da sua casa ou empresa!

Para receber mais informações ou agendar a manutenção periódica do seu elevador, CLIQUE AQUI e entre em contato conosco. Sua satisfação é o que nos Move!

Tecnologia, mobilidade e inclusão para planos do futuro

A união do que está por vir e do que já temos.

Sabemos que as casas do futuro já são uma realidade. Mesmo um pouco distante,  podemos imaginar residências totalmente vinculadas à tecnologia e mobilidade.

Para as próximas construções, os  chamados “sistemas de automação” prometem ser a peça chave da engrenagem sobre as funcionalidades do lar, acessados a partir de um smartphone, computador ou tablet.

A partir deles, começam a surgir mecanismos que funcionam como o “cérebro da casa”, comandados por inteligência artificial. Assim, serão reconhecidos gestos e vozes, solicitando ligações, pedidos de aumento ou diminuição na iluminação, além de controles específicos, como horários de remédios e sua própria agenda de tarefas.

Outros pilares também fazem parte das idealizações:

Sustentabilidade: deverá ser ainda mais presente nas casas do futuro. Como exemplo, podemos citar os materiais utilizados para iluminação, tanto natural quanto artificial. Eles prometem ser idealizados a fim de oferecer um menor impacto ao meio ambiente, gerando mais economia que atualmente.

Economia: os projetos de geração de energia doméstica, denominados “casas autossustentáveis”, utilizam ainda mais os painéis solares, bastante comuns hoje em dia, e pisos cinéticos. Esses pisos, serão capazes de transformar os seus passos em energia elétrica!

Segurança e mobilidade: considerando todas as projeções, as casas adaptadas para necessidades especiais serão cada vez mais evidentes. Plataformas ou Elevadores de mobilidade e inclusão estarão inseridas nas residências auxiliando a locomoção e aumentando a segurança dos moradores.

Atualmente, os elevadores e plataformas residenciais são implantadas em qualquer tipo de casa, garantindo acessibilidade em ambientes para 2 ou mais andares.

Os projetos arquitetônicos incluem os equipamentos nas residências com versatilidade e design moderno. A maioria deles, além de uma bela aparência, aproveitam melhor os espaços da casa, e tornam o ambiente mais agradável durante o deslocamento de um andar para outro.

Plataforma residencial e escadaria projetadas para valorizar a visão de área verde em residência

A praticidade também é uma importante aliada. Hoje, os novos equipamentos (Elevadores e Plataformas Elevatórias) exigem uma estruturação mais simples e são de fácil instalação, adaptando-se ao local desejado, como os elevadores enclausurados mini.

Conclusão:

O mais importante é pensar no futuro, tanto no seu, quanto nas modernidades que estão por vir.  Com o passar dos anos, as coordenações motoras tornam-se reduzidas, sendo necessários locais adaptáveis para locomoção.

Projetar sua vida daqui a alguns anos é muito mais que luxo: é a realidade para se habituar em qualquer lugar e envelhecer com qualidade de vida.

E você, já pensou nisso?

O primeiro passo é investir na sua segurança e conforto. Para te ajudar, preparamos o ebook “Elevadores Residenciais: o guia completo para você escolher o modelo ideal. Aqui você encontra informações importantes que te ajudam a entender mais sobre instalação, valores de investimento, benefícios, vantagens e modelos.

Clique no link e acesse  ->  https://paginas.moveelevadores.com.br/ebook-elevadores-residenciais

 

7 motivos para instalar um elevador na sua casa!

Melhoria estética: um projeto de construção, apresentado com a instalação de um elevador, agrega estilo e versatilidade ao local. São diversos modelos elegantes que acompanham alguns materiais utilizados no restante da casa, combinando acabamentos, iluminação especial, espelhos nas paredes e no teto, entre outros detalhes.

Valoriza o Imóvel: o imóvel pode aumentar até 30% o valor da venda, dependendo do modelo escolhido para instalação.

Garantia de comodidade e saúde: a facilidade em carregar objetos pesados, móveis ou  compras, torna-se uma tarefa prática e cômoda. Lembre-se: o excesso de peso gera cansaço e ainda pode comprometer problemas na coluna ou dores musculares.

Segurança para viagem: para os períodos de férias, as malas e mochilas vão e voltam  carregadas de roupas, acessórios e presentes. Com ou sem rodinhas, transportadas escada acima por dois ou mais andares, podem sofrer danos, ocasionando transtornos, que poder ser facilmente evitados com a presença de um elevador.

Qualidade de vida: a instalação de elevadores em casas facilita a acessibilidade de portadores de deficiência física, gestantes e crianças.

Investimento para o Futuro: ao envelhecer, a utilização de um elevador na sua residência irá facilitar a mobilidade de um cômodo para outro aumentando a segurança e o conforto.

Fácil instalação: pode ser instalado em qualquer local da sua residência. O ideal é manter um espaço para a locomoção de quem entra e sai do elevador.

DICAS:

Escolha o local certo para a Instalação: instale o equipamento em uma área comum da residência, evitando utilizar ambientes como quartos e salas íntimas.

Informe-se sobre o poço: ele serve para situar a caixa corrida, que fica abaixo do nível do pavimento inferior. Cada tipo de elevador exige uma metragem diferente. Alguns modelos não precisam de poço.

Procure uma consultoria especializada: o profissional auxiliará de acordo com as características do solo e da sua construção.

Invista em empresas certificadas: pesquise por empresas especializadas, aptas a realizar uma consultoria completa. Desde o levantamento dos requisitos e necessidades básicas até a instalação. Solicite orçamentos e informações para que seu projeto seja realizado da melhor maneira possível.

 

Microsoft está criando elevadores inteligentes que sabem quando você quer entrar

Se já temos relógios de pulso inteligentes e eletrodomésticos espertos, por que não elevadores inteligentes também? É a pergunta que a Microsoft fez e, em seguida, respondeu usando o Kinect.

Basicamente, funciona assim: coloque o Kinect em um elevador, treine sua câmera para reconhecer quando as pessoas querem entrar, e ensine-o a abrir as portas automaticamente quando necessário. Inteligente, mesmo!

O projeto foi instalado no laboratório da Microsoft em Redmond (EUA), e é liderado pelo codiretor de pesquisa Eric Horvitz. Na primeira fase, o Kinect foi treinado em um corredor, para observar como as pessoas agem quando querem embarcar no elevador, e quando estão apenas passando.

Na segunda fase, os passageiros poderão interagir com o elevador através de gestos.Horvitz diz ao Washington Post: “algo tão estranho e antiquado como um elevador poderia ter trejeitos bacanas, dizendo: ‘Vai entrar?’ com um movimento da porta”.

Seria algo assim: o elevador abre e fecha a porta rapidamente, para chamar sua atenção, quando não souber se você quer entrar. Você pode então balançar a cabeça com “sim” ou “não”, e o elevador iria entender – no entanto, esta função ainda não foi testada.

Por enquanto, essa tecnologia está restrita ao laboratório da Microsoft. Mas talvez, algum dia, quando você estiver apressado para pegar o elevador, ele abrirá as portas e saberá para qual andar você quer ir. Mais detalhes aqui: [Washington Post]

Imagem: Shutterstock/iurii

Fonte: http://gizmodo.uol.com.br/microsoft-elevadores-inteligentes/

INFRAERO adquire 65 dispositivos de mobilidade para deficientes

A Infraero adquiriu por meio de licitação 65 novos equipamentos que permitem o embarque de passageiros deficientes e com dificuldade de mobilidade em aviões. Os Ambulifts, como são chamados os dispositivos, funcionam como uma espécie de elevador, que transporta o passageiro da pista à aeronave.

Hoje, existem 12 Ambulifts em funcionamento no país e apenas 15 aeroportos brasileiros possuem Fingers, os corredores acopláveis que permitem o acesso direto dos terminais aos aviões. A vencedora da licitação de R$ 42 milhões e fornecerá os 65 Ambulifts à Infraero foi a brasileira Rucker, que fabrica os equipamentos desde 2001.

Fonte: epoca.globo.com